15/02/2015

Neste prédio, só mora quem tem moto

Neste prédio, só mora quem tem moto 1 (1) Poderia ser apenas mais um prédio descolado de Tóquio, mas as curvas do edifício que ilustra essa página foram criadas com um público-alvo muito específico em mente: os motoqueiros. Os arquitetos do escritório Akiyoshi Takagi projetaram um bloco de oito apartamentos cujo desenho favorece  quem corre sobre duas rodas pela cidade.

A estrutura de concreto reproduz o desenho de vias velozes, como uma extensão natural da estrada. O pátio central do condomínio tem uma entrada curvilínea e mais estreita, para ajudar a chegada dos motociclistas até as garagens independentes no térreo. Nelas, não cabem carros, apenas motos. Como são separadas radialmente, formas mais orgânicas esculpem o interior e imprimem uma sensação de um espaço maior não só ali dentro, mas em todos os três andares.

Até mesmo a privacidade dos moradores foi respeitada no projeto. A organização do espaço evita que os quartos fiquem encarando os segredos dos vizinhos. Já as janelas receberam duas camadas de vidro, outro fator de proteção ao mesmo tempo que permite entrada de luz e calor durante o dia.

Neste prédio, só mora quem tem moto 2

Neste prédio, só mora quem tem moto 3

Neste prédio, só mora quem tem moto 5

Neste prédio, só mora quem tem moto 6

Neste prédio, só mora quem tem moto 8

Mesmo com tudo isso, o formato do prédio favorece o contato entre os moradores no nível das garagens. Nada melhor para os fãs das duas rodas do que mostrar a sua máquina para os vizinhos, e poder compará-la com as deles.

Fonte: Revista Casa Vogue

Rafael Losch
Postado por: Rafael Losch

Nenhum Comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Deixe um comentário

  • Rafael Losch
  • +55 54 8403 2915
  • rafalosch@gmail.com