23/10/2017

Telhas que geram energia solar, o futuro é agora.

tesla-comeca-producao-em-larga-escala-de-telhas-solares-que-geram-energia-solar-foto

A telha solar da Tesla já foi testada, aprovada e agora está sendo comercializada em pequena escala em Fremont, na Califórnia. Além de resistente – Elon Musk garante que o produto dura mais de 50 anos! –, a tecnologia promete ser mais barata do que um modelo de telha comum.

leia mais…

Rafael Losch
Postado por: Rafael Losch

28/05/2017

Apartamentos com Demi-Suíte, uma opção nos compactos.

No dia a dia de uma casa, o banheiro é um dos ambientes mais disputado. Principalmente pelas manhãs.

Nesse sentido, construir um banheiro para cada dormitório seria um sonho. No entanto, esse sonho está cada vez mais distante, ainda mais nos apartamentos mais novos. Isso porque a tendência do mercado é a construção de imóveis mais compactos e econômicos.

Demi-Suítes-600x285

Para tornar esse sonho um pouco mais viável, a alternativa é apostar no conceito de demi-suíte. Imagine a praticidade de ter um banheiro que os dois dormitórios tenham acesso ao cômodo como se fosse uma suíte convencional? Isso sem esquecer da privacidade do banho e uso do vaso sanitário.

leia mais…

Rafael Losch
Postado por: Rafael Losch

09/04/2017

Saiba O Que É Avaliado Para Definir O Preço Do Imóvel

Quando é tomada a decisão da venda ou compra de um imóvel, a primeira pergunta é: quanto vale esse patrimônio? Para ajudar a responder essa pergunta, é sempre bom contar com um corretor de imóveis ou imobiliária de confiança. A seguir, vamos te mostrar quais os principais aspectos que impactam no valor do seu bem. Confira!

mansao-beverly-hills-8

 

Localização

A cidade, estado, bairro e rua em que seu imóvel se encontra impactam na precificação final. Em geral, as unidades de alto padrão e luxo se encontram nos bairros nobres, enquanto os mais acessíveis ficam na periferia.

Mas também é necessário avaliar alguns aspectos da região do imóvel, como a proximidade de serviços como supermercados, bancos e farmácias, acesso facilitado a serviços públicos ou grandes rodovias e mesmo áreas verdes ou de lazer como parques e praças.

Por fim, verifique os índices de criminalidade da região, identificando número e tipos de ocorrências frequentes no bairro. Assim, é possível confirmar se a segurança pode ser um fator positivo na valorização de imóveis.

Espaço Disponível

A metragem total do seu apartamento ou casa é um dos fatores-chave na hora da venda, sendo uma informação presente em todos os anúncios que você fará. Em geral, imóveis mais amplos, com grande área construída são mais caros que os menores.

No entanto, é preciso levar em conta fatores como a distribuição do espaço entre os cômodos. Por exemplo, casas com quartos e banheiros amplos, por exemplo, podem ser mais atrativos do que aqueles com salas enormes e quartinhos minúsculos.

Uma área não construída muito extensa como um quintal, pode ser um fator desfavorável se o seu público comprador quer optar por uma unidade com mais praticidade, por outro lado, pode ser o que família com crianças procuram.

Tempo Da Construção

A idade também pesa na valorização de imóveis e a regra, a princípio, é simples: quanto mais antiga a unidade, menor o seu valor final. Todavia, essa regra não é universal nem imutável: unidades bem conservadas, localizadas em edifícios com peso histórico ou em bairros tradicionais podem utilizar a sua longevidade como um diferencial.

Prédios ou casas construídos há pouco tempo em bairros novos, por sua vez, podem sofrer uma desvalorização justamente por não estarem em áreas que, provavelmente, não possuem toda a infraestrutura de um bairro tradicional.

Qualidade Da Estrutura E Acabamentos

Por fim, lembre-se que a qualidade interna de imóveis conta bastante na hora da precificação. Isso vale desde as condições de instalações elétricas e hidráulicas, passando por materiais utilizados em construções e reformas, bem como a presença de facilidades como armários embutidos ou gás encanado. O acabamento de toda a unidade também é um fator decisivo de compra e precificação: pisos, pintura, pias, porcelanas e torneiras de boa qualidade e bem conservados são detalhes que podem sim aumentar ou diminuir o valor de um imóvel de forma considerável.

Liquidez

Este também um dos mais importantes na hora de precificar um imóvel, o corretor sabe se é um imóvel que vende rápido ou demora um tempo mais long para venda e isso com certeza influenciará no seu preço final.

 

Fonte: Rodobens adaptado por Rafael Losch

 

 

Rafael Losch
Postado por: Rafael Losch

19/02/2017

Comprar ou alugar? Veja aqui o que é mais vantajoso!


Blog-Imagens-Compar-ou-alugar-2 A aquisição da casa própria é o sonho de grande parte brasileiros, o que faz com que muita gente vá em busca de informações sobre financiamentos, custo de documentação, vantagens da casa própria frente ao aluguel, entre outras. Para melhor atender aos seus clientes e oferecer máxima credibilidade em informações, você, como corretor, deve estar pronto para esclarecer essas dúvidas. Preparado para testar seus conhecimentos? Acompanhe o post!

leia mais…

Rafael Losch
Postado por: Rafael Losch

29/01/2017

Essa é a hora de ganhar dinheiro no Mercado Imobiliário.

Como-Ganhar-Dinheiro-Na-Internet-1 Fatores  indicam que esse é o melhor momento para comprar imóvel, pois o cenário de um futuro próximo é o de aquecimento da demanda, influenciando um aceleramento dos preços dos imóveis.

Apesar da definição simples, a tarefa de diagnosticar estes momentos é mais fácil quando se olha para o que já foi vivido. Por exemplo, agora é fácil analisar que comprar imóvel em Passo Fundo há uns 10 anos atrás foi uma ótima escolha, visto que os preços não estavam em crescimento acelerado e, posteriormente, se viu uma intensa valorização, devido ao aumento das rendas das famílias e do crédito no âmbito nacional, e ao específico boom de Passo Fundo, a nível regional.

leia mais…

Rafael Losch
Postado por: Rafael Losch

15/01/2017

Saiba Qual A Diferença Entre Chácara, Sítio E Fazendas E Confira As Medidas De Terra No Brasil

Antigamente as determinações se a propriedade era uma chácara, estância, sitio ou fazenda se determinavam pelo seu tamanho em m². Veja abaixo as medias praticadas:

Tuscany landscape with typical farm house

Chácara – Uma área de terras pequena de mais ou menos no máximo 05 alqueires ( cada alqueire possui 2,42 hectares, cada hectare corresponde a 10.000 metros quadrados).

Sítio – Uma área de terras mais ou menos entre 05 e 40 alqueires.
Fazenda – Uma área de terras superior a 40 alqueires, no Brasil existem fazendas na casa dos milhares de alqueires.

leia mais…

Rafael Losch
Postado por: Rafael Losch

27/11/2016

Conselho amplia limite de financiamento de imóveis com recursos do FGTS, em Passo Fundo passa para até 800 mil.

fgts2 Os mutuários que comprarem imóveis novos e usados financiados com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) ganharam um incentivo. O Conselho Monetário Nacional (CMN) ampliou hoje (24) o valor máximo dos empreendimentos que podem ser financiadas pelo Sistema Financeiro da Habitação (SFH), que cobra juros menores que os demais financiamentos de mercado.

Com a mudança, o teto de financiamento subiu de R$ 650 mil para R$ 800 mil na maior parte do país, como é o caso de Passo Fundo. No Distrito Federal, em Minas Gerais, no Rio de Janeiro e em São Paulo, o limite passou de R$ 750 mil para R$ 950 mil. A última vez em que esses limites tinham sido alterados foi em setembro de 2013.

leia mais…

Rafael Losch
Postado por: Rafael Losch

16/10/2016

Entenda os custos adicionais para a compra de um imóvel

Se você está planejando comprar um imóvel e colocando na ponta do lápis quanto do seu orçamento irá disponibilizar para esse investimento, é importante resguardar também cerca de 4% do valor pretendido para despesas com documentos e impostos.

escritura No geral, os valores variam de acordo com a modalidade do negócio, se à vista ou financiado, o banco escolhido, o tipo do imóvel e como mencionado anteriormente, o valor do bem. De qualquer forma, há três custos certos que você precisa considerar:

leia mais…

Rafael Losch
Postado por: Rafael Losch

28/08/2016

Cinco dicas de home staging para vender mais rápido seu imóvel

Se você tem pressa em vender seu imóvel precisa conhecer a técnica do home staging! Calma, o nome até pode ser difícil, mas é bem fácil de ser desenvolvida.

O home staging já é muito utilizado lá fora e nada mais é do que um marketing para o seu imóvel, ou seja, a sua casa vira uma vitrine de loja que chama a atenção dos compradores. Isso mesmo, você vai deixar sua casa mais agradável e atraente. Com isso, o tempo de venda é cerca de 50% mais rápido, e a valorização do imóvel pode chegar até 15% do valor real.

É preciso deixar os ambientes impecáveis (Foto: Shutterstock)

É preciso deixar os ambientes impecáveis (Foto: Shutterstock)

leia mais…

Rafael Losch
Postado por: Rafael Losch

01/08/2016

Saiba como usar o FGTS para abater a dívida do seu financiamento imobiliário.

Reduzir a dívida sem tirar um real do bolso pode parecer milagre, mas não é. Basta usar o dinheiro do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

a hand holds a single key Quem vive de aluguel e sonha com a casa própria não vê a hora de estar morando naquilo que é seu. Há também aqueles que já conquistaram o próprio teto por meio de financiamentos habitacionais e, agora, sonham com o dia em que as prestações chegarão ao fim. Com a explosão dos financiamentos de imóveis nos últimos anos, há milhares de pessoas nessa situação. Muitos desses novos proprietários nem sabem, mas há uma alternativa para quitar o financiamento de forma bem mais rápida, ou então, fazer com que as prestações fiquem mais suaves. Reduzir a dívida sem tirar um real do bolso pode parecer milagre, mas não é. Basta usar o dinheiro do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

Mesmo tendo usado o FGTS para dar a entrada no financiamento imobiliário, os mutuários podem fazer saques do fundo a cada dois anos ou mesmo todos os anos, em caso de extrema necessidade. Dependendo de quanto o proprietário do imóvel está pagando e do seu saldo no fundo de garantia, recorrer a essa possibilidade pode significar a economia de pelo menos o dobro do valor sacado do FGTS. Isso porque esse direito trabalhista pode ser empregado para abater o saldo devedor (a dívida propriamente dita) do financiamento do imóvel, diminuindo o número de prestações e fazendo desaparecer do boleto os juros e as taxas dessas prestações pagas antecipadamente.

A receita é simples, de acordo com Rúbia Aita Xavier, gerente da Caixa Econômica Federal. O cliente precisa estar financiando o seu primeiro imóvel, estar trabalhando há pelo menos três anos no regime do FGTS, ter no máximo três prestações em atraso e possuir o valor equivalente a no mínimo cinco prestações no saldo do fundo de garantia. Respondendo a essas condições, é só o cliente decidir como quer usar esse recurso.

“O fundo de garantia pode ser usado tanto como entrada no financiamento como também para amortizar, liquidar ou para pagar parte da prestação. Se o cliente quiser abater a dívida do financiamento, pode reduzir o prazo ou diminuir o valor da prestação. Pode fazer uma de cada vez ou usar uma parte do valor para uma situação e outra para a outra”, explica Rúbia.

Uma terceira alternativa é o cliente destinar o saldo do FGTS para pagar uma parte das prestações dos próximos 12 meses. Se comparada com as outras opções, esta é a menos vantajosa, porque o fundo de garantia, que é uma reserva do trabalhador, acaba sendo usado para pagar juros e taxas, além de ajudar a quitar a dívida. Mas usar o fundo e conseguir reduzir em até 80% o valor das prestações por um ano pode ajudar muita gente a sair do aperto e reorganizar as contas.

Fonte: ZAP Imóveis

Rafael Losch
Postado por: Rafael Losch

  • Rafael Losch
  • +55 54 8403 2915
  • rafalosch@gmail.com